Todas e todos pela igualdade

Em: 23 de novembro de 2016
Na Categoria: Notícias

Em apoio à Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável, lançada no ano passado pela Assembleia Geral das Nações Unidas, a ONU Mulheres deu o “start” na iniciativa global “Por um planeta 50-50 em 2030: um passo decisivo pela igualdade de gênero”, com compromissos assumidor por mais de 90 países.
Para a ONU Mulheres, construir um Planeta 50-50 depende que todas e todos – mulheres, homens, sociedade civil, governos, empresas, meios de comunicação e universidades, trabalhem juntos, de maneira determinada, concreta e sistemática para eliminar as desigualdades de gênero.
Suêd Haidar, presidente do Partido da Mulher Brasileira destaca o grande avanço que a ONU Mulheres está trazendo. “Para nós do Partido da Mulher Brasileira, ações e iniciativas como essa são de grande importância e só nos dão ainda mais força para continuar lutando pela conscientização e fortalecimento do nosso grande objetivo: aumentar a participação das mulheres em todos os segmentos da sociedade. Sabemos que é um longo caminho, mas ter iniciativas como essa, só nos deixa com mais vontade ainda de vencer”, afirma a presidente.
Dentre as ações do Planeta 50-50 destacam-se as novas leis e o fortalecimento de direitos conquistados pelas mulheres, como também ações que podem incluir a criação de programas para erradicar a violência contra mulheres e meninas, incentivando a participação das mulheres na tomada de decisão.
Aqui no Brasil – um dos primeiros países a aderir à iniciativa Planeta 50-50, outros compromissos do país foram registrados na plataforma global:
– Garantia de que todas as mulheres em situação de violência vão encontrar proteção e apoio no programa “Mulher, Viver sem Violência”;
– Cuidados de saúde materna e assistência às meninas;
– Plano para os cuidados prestados às vitimas de violência sexual por parte de profissionais de segurança pública e de saúde;
– Grupo de trabalho sobre a saúde para as mulheres com deficiência
– Licença-maternidade para mulheres militares;
– Permissão de registro do nascimento de filhas e filhos sem a presença do pai.
Fonte: Portal ONU Mulheres


Suêd Haidar
Presidente Nacional do PMB

Fale Conosco

ST SDS, Bloco P, Sala 205
Edifício Venâncio III,
Asa Sul - Brasília/DF
CEP: 70393-902
TEL: (061) 3223-4027
Seg à Sex das 09h às 17h

Receba nossas novidades
[]
1 Step 1
Seu Nome
Previous
Next

PMB Nos Estados

TO BA SE PE AL RN CE PI MA AP PA RR AM AC RO MT MS GO PR SC RS SP MG RJ ES DF PB
Este Estado ainda não possui Comissão Provisória.
Presidente Acre:

Alexandre Damasceno

Clique e saiba mais

Presidente Alagoas:

Clique e saiba mais

Presidente Amapá:

Clique e saiba mais

Presidente Amazonas:

Charles Sampaio

Clique e saiba mais

Presidente Bahia:

Amaury Nascimento

Clique e saiba mais

Presidente Brasília:

Léia Santos

Clique e saiba mais

Presidente Ceará:

Magda Costa

Clique e saiba mais

Presidente Espírito Santo:

Jacqueline Nonato

Clique e saiba mais

Presidente Goiás:

Rosilene Guimaraes

Clique e saiba mais

Presidente Maranhão:

Efigenia Tavares

Clique e saiba mais

Presidente Minas Gerais:

Gláucia Rodrigues

Clique e saiba mais

Presidente Mato Grosso:

Clique e saiba mais

Presidente Pernambuco:

Juliana Paranhos

Clique e saiba mais

Presidente Paraíba:

Evani Ramalho

Clique e saiba mais

Presidente Paraná:

Alisson Anthony

Clique e saiba mais

Presidente Roraima:

Sandra Gomez

Clique e saiba mais

Presidente Rio de Janeiro:

Sidclei Nogueira da Silva Bernardo

Clique e saiba mais

Presidente Rio Grande do Norte:

Raimundo Mendes

Clique e saiba mais

Presidente São Paulo:

Jaime Fusco

Clique e saiba mais

Presidente Sergipe:

Alice Moura

Clique e saiba mais

Presidente Tocantins:

Alvaro Alberto Martins Silva

Clique e saiba mais

Presidente Pará:

Henriette Barros

Clique e saiba mais

Presidente Piauí:

Graça Amorim

Clique e saiba mais

Presidente Mato Grosso do Sul:

Clique e saiba mais

Rondônia:

Clique e saiba mais

Presidente Santa Catarina:

Clique e saiba mais

Presidente Rio Grande do Sul:

Clique e saiba mais